Elemento Estratégico

A Comunicação Interna permite o fluxo de informação transversal e bidireccional na Jaba Recordati, com o objectivo de alinhar a estrutura com o negócio, motivando e aumentando o engagement dos colaboradores.


 

É uma área que permite o reforço da identidade, cultura e valores da Jaba Recordati, desenvolvendo o sentido de pertença. A Comunicação Interna é o instrumento de excelência de transmissão do ADN da companhia e um factor crítico de sucesso para a obtenção de resultados.

Ana Porfirio, directora de Recursos Humanos da Jaba Recordati, partilha o papel dos colaboradores enquanto embaixadores da organização, fala de Employer Branding, da aposta nas novas tecnologias e de muitos outros temas.

 

Jaba Recordati | Evento

 

De que forma é que a Comunicação Interna (CI) se assume como um instrumento de captação e retenção de talento?

A Comunicação Interna é estratégica para a Jaba Recordati urna vez que permite o fluxo de informação transversal e bidireccional com o objectivo de alinhar a estrutura com o negócio, motivando e aumentando o engagement dos nossos colaboradores. Estando a maior parte dos nossos colaboradores espalhada pelo território nacional é fundamental investir em práticas de comunicação que garantam o acesso à informação relevante em tempo útil e que permitam o reforço da identidade, cultura e valores da Companhia desenvolvendo o sentido de pertença.

Na Jaba Recordati a Comunicação Interna pretende ser um canal de informação, conhecimento e partilha, feito de forma bidireccional, o que acreditamos ter impacto na retenção de talento na companhia. O mesmo se pode assumir em relação à captação de talento considerando os programas de referral que utilizamos nos nossos processos de Recrutamento e Selecção nomeadamente para funções mais comerciais. Desta forma, o papel dos nossos colaboradores enquanto embaixadores da companhia, é fundamental para a captação deste talento.

 

Nomeadamente em termos de captação, que dependerá mais da comunicação externa e da criação de uma marca de empregador, como é que a comunicação interna pode ser uma preciosa ajuda?

A Jaba Recordati desenvolve diversos programas.de estágios ao longo do ano através de protocolos estabelecidos com universidades o que permite o contacto dos alunos destas universidades na primeira pessoa com as práticas de Comunicação Interna existentes na companhia. Entendemos que estas parcerias permitem que estes alunos também se tornem embaixadores da nossa marca reforçando o employer branding da Jaba Recordati junto destes públicos. Acaba por ser uma forma indirecta mas igualmente efectiva de contribuição da Comunicação Interna para a captação de talento.

 

Os colaboradores acabam muitas vezes por assumir, informalmente, o papel de embaixadores da empresa. Esse é também um dos objectivos da Cl? Como o fomentam?

A Jaba Recordati acredita que a Comunicação Interna é a área por excelência que permite às organizações transmitir o seu ADN, comunicar a estratégia e objectivos e motivar procurando desenvolver o sentido de pertença dos seus colaboradores tendo, por estes motivos, um impacto na Gestão das nossas Pessoas.

Como já referido, procuramos com as políticas de Comunicação Interna fomentar o papel de embaixador da marca Jaba Recordati quer aos nossos cola, boradores quer aos nossos estagiários. Através do uso de canais como intranet, corporate TV, reuniões diversas como as de internos e de ciclo, momentos formais e informais para dar feedback, política de portas abertas, refeições de trabalho e iniciativas de auscultação da opinião dos colaboradores como os pequenos-almoços com o CEO ou o HR on the Road fomentamos a passagem de informação e conhecimento a todos de forma transversal e através de diferentes canais.

 

E em termos de retenção, que iniciativas consideram mais importantes?

Procurámos aos longos dos dois últimos anos, dar mais voz às nossas pessoas. Para isso desenvolvemos iniciativas como os pequenos-almoços com o CEO onde, durante pequenos-almoços informais todas as áreas da Companhia foram desafiadas a discutir, sem filtros, os aspectos mais e menos positivos das suas áreas, assim como recolher a sua opinião acerca das outras áreas. Já mais recentemente, fomos para o terreno com o projecto HR on the Road. Durante aproximadamente três meses estivemos com a nossa força de vendas a analisar o seu dia-a-dia, os desafios com que se depararam, a sua opinião acerca das políticas da companhia e aspectos a melhorar.

 


Arriscaria dizer que o conteúdo é o segredo da Comunicação Interna, mais do que a forma como se apresenta.


 

Os talentos para os quais comunicam estão dispersos geograficamente. De que forma asseguram que todos tem acesso à informação relevante, em tempo útil?

As plataformas transversais como a Intranet e/ou as comunicações através de email ajudam-nos na consistência da Comunicação Interna apesar da dispersão geográfica. O mesmo acontece com as reuniões gerais, 3 por ano e/ou as acções de team building. Estes eventos internos, juntamente com outros instrumentos de comunicação promovem acima de tudo sentimento de pertença urna vez que se constituem momentos onde a companhia reúne toda a sua equipa que habitualmente está dispersa geograficamente decorrente da nossa actividade comercial.

Estes eventos são sempre muito bem recebidos pela equipa e qualquer argumento é justificação para que haja sempre mais eventos. O desafio para a companhia é utilizar estes eventos como milestones do percurso que se pretende para a companhia e os seus profissionais.

 

Outro vector fundamental de aposta neste âmbito tem sido nas novas tecnologias. Que novidades se destacaram em 2017?

As novas tecnologias proporcionam um terreno comum com liberdade de acesso a qualquer hora e a partir de qualquer lugar. Foi neste pressuposto que temos procurado dotar os nossos profissionais com as ferramentas informáticas que lhes permitam estar sempre e em qualquer lugar em contacto com a companhia. O pacote de instrumentos de trabalho inclui PC, tablet, smartphone, pacote de dados para telemóvel e equipamentos informáticos. De forma a reforçar o contacto permanente e actualizado à informação da companhia redesenhámos o site jaba.pt e em 2017 reformulámos a intranet da companhia e lançámos um portal de benefícios My Club Jaba Recordati.

A Jaba Recordati tem vindo a apostar forte nesta renovação quer ao nível do hardware quer de software. Acreditamos que o investimento que temos feito, permitem reforçar não só a eficácia da comunicação como a mobiliação dos colaboradores para os objectivos que são de todos.

 

E no que respeita aos conteúdos, quais têm sido as vossas principais apostas?

Arriscaria a afirmar que o conteúdo é o segredo da Comunicação Interna, mais do que a forma como se apresenta. Nesse sentido procuramos disponibilizar e partilhar conteúdos relevantes quer para a empresa quer para os seus profissionais. Estes conteúdos são diversos e têm objectivos também diferentes no entanto procuramos que sejam claros, transparentes e de fácil acesso às nossas pessoas adoptando diferentes formas mas cuja mensagem seja humanizada.

 

A Jaba dispõe de vários meios de comunicação: a TV corporativa, o site institucional, recentemente renovado, a intranet, newsletter, reuniões... Em termos comparativos, como tem evoluido a relevância de cada um?

A dicotomia facilidade de acesso vs. relações humanas está sempre presente numa realidade comercial como ,a nossa por isso a Comunicação Interna acaba por precisar destas duas formas cumulativas para ser percepcionada como efectiva e completa.

 

Há uns meses, perspectivou que se avizinhava uma revolução na Cl. Já consegue concretizar em que irá consistir essa revolução? Daqui a so anos, como acha que vai comunicar com os seus colaboradores?

As novas tecnologias proporcionam um terreno comum com liberdade de acesso a qualquer hora e a partir de qualquer lugar. Foi neste pressuposto que temos procurado dotar os nossos profissionais com as ferramentas informáticas que lhes permitam estar sempre e em qualquer lugar em contacto coma companhia. De forma a reforçar o contacto permanente e actualizado à informação da companhia redesenhámos o site jaba.pt e em 2017 reformulámos a intranet da companhia e lançámos um portal de benefícios My Club Jaba Recordati.

O impacto que procuramos são basicamente dois: o reforço dos valores da companhia e do espírito de pertença à Jaba Recordati.

A Comunicação Interna para a Jaba Recordati, é um criticai success factor para a obtenção dos nossos resultados e prossecução dos nossos objectivos. Numa empresa com as características da nossa, onde a maior parte dos nossos colaboradores são externos, existe uma permanente necessidade de desenvolver entre todos o espírito de pertença. Este espírito de pertença é fundamental porque são estes comerciais o espelho da companhia junto dos seus clientes. Estes profissionais necessitam de uma informação permanente e actualizada não só sobre a companhia mas também sobre os aspectos técnico e científicos dos produtos que promovem. Por estes motivos a Comunicação Interna desempenha um papel crucial na performance da companhia e por isso mesmo, os nossos profissionais estão equipados com o "state of the art" no que diz respeito a equipamentos que permitam uma permanente ligação com a sede.

A Comunicação Interna é uma área em constante evolução e onde o trabalho nunca se encontra concluído.

 

Jaba Recordati | Evento Interno

 


 

Fonte: Human Resources Portugal | 01-03-2018